Curso prossegue em Salvador com turma para comunicadoras e ativistas

Com debates sobre mídias digitais e atividades pedagógicas o Curso de Comunicação, Saúde e Direitos das Mulheres, turma comunicadoras, comunicadores e ativistas, prossegue hoje, 9, em Salvador, no Centro de Estudos Afro Orientais da Ufba (Largo 2 de Julho).

Na abertura, realizada, ontem, foram apresentadas estratégias de articulação para o combate ao racismo e às violências de gênero. Um dos focos dos debates é o acesso ao direito à saúde com ênfase na tríplice epidemia, especialmente a infecção por zika vírus e o impacto deste contexto sobre mulheres negras e indígenas. Questões éticas em relação à disseminação de informação também foram discutidas.

A turma para comunicadoras, comunicadores e ativistas tem como objetivo estimular a circulação de informação qualificada. Ela é direcionada a blogueiras, blogueiros, vlogueiras, vlogueiros,  radialistas, cyberativistas, repórteres de plataformas comunitárias e ativistas em comunicação.

O curso é uma ação da ONU Mulheres em projeto de cooperação com a Fundação Ford. A atividade conta com uma rede de instituições, associações e ONGs parceiras, como a Odara que é a anfitriã em Salvador da turma para comunicadoras e ativistas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s